Fishing on boards: a new fishing technique in the south coast of Brazil

Pesca em pranchas: uma nova técnica de pesca na costa sul do Brasil

Autores

  • Leonardo Martins Pinheiro UFRGS
  • Caroline Portal UFJF
  • Federico Sucunza GEMARS
  • Paulo Henrique Ott UERGS

DOI:

https://doi.org/10.37002/revistacepsul.vol13.2544e2024004

Palavras-chave:

Palavras-chave: tainha, pesca artesanal, tarrafa.

Resumo

No sul do Brasil, diversos petrechos de pesca são utilizados para a captura de inúmeras espécies de peixes. O presente estudo visa descrever uma nova técnica utilizada por pescadores artesanais no litoral norte do Rio Grande do Sul, sul do Brasil. Durante três dias, em junho de 2019, foram realizadas observações diretas de operações de pesca e entrevistas com três duplas de pescadores que utilizavam tarrafa e pranchas de “stand-up paddle”, visando a captura de tainha. Foram amostrados 107 espécimes, dos quais 99% apresentaram comprimento total acima do comprimento de primeira maturação. Não foi possível realizar uma estimativa precisa de captura total. Além de fornecer o primeiro registro de uma nova técnica de pesca, com potencial de expansão na região, este estudo reforça que o  monitoramento pesqueiro constante é fundamental para a compreensão da dinâmica pesqueira, assim como para o ordenamento da atividade.

Biografia do Autor

Leonardo Martins Pinheiro, UFRGS

Laboratório de Ecologia Humana e de Peixes (LEHPE)

Referências

ALBIERI, R. J. & ARAÚJO, F. G. 2010. Reproductive biology of the mullet Mugil liza (Teleostei: Mugilidae) in a tropical Brazilian bay. Zoologia 27(3): 331–340. DOI: <10.1590/S1984-46702010000300003>.

BRAUN, V. 2021. Vinicius Braun Fishing Life – Pesca de tarrafa. Available at: <https://www.youtube.com/watch?v=cIjtvxSxDUM>. Accessed on 06 jun. 2024.

BRASIL. 2009. Lei nº 11.959, de 29 de junho de 2009. Dispõe sobre a Política Nacional de Desenvolvimento Sustentável da Aquicultura e da Pesca, regula as atividades pesqueiras. Diário Oficial [da] União, Brasília, 30 de jun. de 2009.

CANTON, L. & DIAS, M. 2023. Gestão da pesca da tainha entre 2018 e 2022: uma avaliação crítica dos cinco anos de gestão com cotas de captura. Brasília, Oceana Brasil. 26p. DOI: <10.5281/zenodo.7886821>.

CARDOSO, L. G. & HAIMOVICI, M. 2011. Caracterização tecnológica, social, econômica e ecológica da atividade pesqueira sediada em Passo de Torres, Santa Catarina, Brasil. Bol. Inst. Pesca, 37(3): 275-288.

CASTELLO, J. P., SUNYÉ, P. S., HAIMOVICI, M. & HELLEBRANDT, D. 2009. Fisheries in southern Brazil: a comparison of their management and sustainability. J. Appl. Ichthyol., 25: 287–293. DOI: <10.1111/j.1439-0426.2009.01229.x>

DE SOUZA, D. S., SILVA, R. C. & STEENBOCK, W. 2017. De quem é o peixe? Aspectos socioeconômicos da pesca industrial e artesanal de tainha (Mugil liza) em Santa Catarina. Revista CEPSUL - Biodiversidade e Conservação Marinha, 6: e2017002.

GAMA, R. M. 2023. Caracterização da pesca e situação dos estoques pesqueiros a partir da percepção dos pescadores de Passo de Torres/SC e Torres/RS, sul do Brasil. São Francisco de Paula. 128p. (Dissertação de Mestrado. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul).

GONÇALVES, Y. C. & OTT, P. H. 2022. A Visão dos Pescadores sobre a Importância da Participação dos Botos na Pesca Artesanal de Tarrafa em Dois Estuários do Sul do Brasil. Biodivers. Bras. [Internet], 12(5): 128-150. DOI: <10.37002/bioBrazil.v12i5.1898>.

HAIMOVICI, M., VASCONCELLOS, M., KALIKOSKI, D. C., ABDALAH, P., CASTELLO, J. P. & HELLEMBRANDT, D. 2006. Diagnóstico da pesca no litoral do Rio Grande do Sul. In ISAAC, V. J., MARTINS, A. S., HAIMOVICI, M. & ANDRIGUETTO, J. M. (eds.). A pesca marinha e estuarina do Brasil no início do século XXI: Recursos, tecnologias, aspectos socioeconômicos e institucionais. Projeto RECOS: Uso e Apropriação dos Recursos Costeiros. Grupo Temático: Modelo Gerencial da Pesca. UFPA, Belém, chap. 7: 157–180.

HAMMER, Ø., HARPER, D. A. T. & RYAN, P. D. 2001. PAST: Paleontological statistics software package for education and data analysis. Paleontological Association.

KLIPPEL, S., PERES, M. B., VOOREN, C. M. & LAMÓNACA, A. F. 2005. A pesca artesanal na costa da Plataforma Sul. In KLIPPEL, S. & VOOREN, M. C. (eds.). Ações para a conservação de tubarões e raias no sul do Brasil. Igaré, Porto Alegre, chap. 11: 179-197.

LARRE, G. G., PNHEIRO, L. M., SANTOS, M. L. D., DANILEWICZ, D., OTT, P. H. & SUCUNZA, F. 2021. New data on bycatch of the Brazilian Guitarfish, Pseudobatos horkelii, in Southern Brazil. J. Appl. Ichthyol., 37: 971-974. DOI <https://doi.org/10.1111/jai.14252>

MMA. 2005. Instrução Normativa nº 05 de 22 de novembro de 2005. Estabelece o tamanho mínimo de captura de espécies marinhas e estuarinas do Sudeste e Sul. Diário Oficial [da] União, Brasília, 24 de nov. de 2009.

MAFRA, E. O., OLIVEIRA, R. de, & QUADRO, M. F. L. 2020. The influence of the zonal variation of the Brazil-Malvinas confluence in the harvest of the mullet in the state of Santa Catarina between 2006 and 2016. Ciênc. Nat., 42: e13. DOI: <https://doi.org/10.5902/2179460X55314>.

MARINHO, A. C. 2013. Pescaria na ilha conta com apoio de prancha. Available at: <http://g1.globo.com/platb/pe-viver-noronha/2013/09/08/pescaria-na-ilha-conta-com-apoio-de-prancha/> Accessed on: 20 jun. 2021.

MIRANDA, L. V. & CARNEIRO, M. H. 2007. A pesca da tainha Mugil platanus (Perciformes: Mugilidae) desembarcada no estado de São Paulo: subsídio ao ordenamento. Série Relatórios Técnicos, Inst. Pesca, São Paulo, 30: 1-13.

MORENO, I. B., TAVARES, M., DANILEWICZ, D., OTT, P. H. & MACHADO, R. 2009. Description of the coastal medium scale fishery on the Northern Rio Grande Do Sul State: fishing communities from Imbé/Tramandaí and Passo de Torres/Torres. B. Inst. Pesca, 35(1): 129-140.

MPA/MMA. 2015. Portaria Interministerial nº 03, de 14 de maio de 2015. Aprova o Plano de Gestão para o Uso Sustentável da Tainha, Mugil liza, nas regiões Sudeste e Sul do Brasil. Diário Oficial [da] União, Brasília, 15 de mai. de 2015.

PEDROSA, C. 1949. O pescador de tarrafa. Tipos e aspectos do Brasil, p. 154-156. Available at: <https://www.rbg.ibge.gov.br/index.php/rbg/article/view/4209/3489> Accessed on: 15 Dec. 2023.

RIBEIRO, J. E. 2024. Pesca com tarrafa em stand up paddle. Available at: <https://www.youtube.com/@joseeduardoribeiro747/videos> Accessed on 22 Jan. 2024.

ROTT, D. 2011. Paddle-integrated wireless controller. In World Intellectual Property Organization.

SANT’ANA, R. & KINAS, P. G. 2015. Avaliação do estoque de tainha (Mugil liza): ampliação dos modelos bayesianos de dinâmica de biomassa para múltiplas séries de CPUE, com adição de temperatura superficial do mar e capturabilidade autocorrelacionada. Relatório II - Avaliação de estoque – Tainha – OCEANA, Brasília-DF, 31 p.

SEAP. 2018. Portaria nº 24, de 15 de maio de 2018. Estabelece normas, critérios e padrões para o exercício da pesca em áreas determinadas para a captura de tainha (Mugil liza), no litoral das regiões Sudeste e Sul do Brasil e estabelece cota de captura da espécie para o ano de 2018. Diário Oficial [da] União, Brasília, 15 de mai. de 2018.

STEENBOCK, W. 2019. Subsídios para o ordenamento da pesca da tainha (Mugil liza, Mugilidae): uma análise histórica recente de aspectos relacionados à política de cotas. Revista CEPSUL - Biodiversidade e Conservação Marinha, 8: e2019003. DOI: <https://doi.org/10.37002/revistacepsul.vol8.874e2019003>

SUDEPE/RS. 1984. Portaria nº 006, de 30 de junho de 1984. Regulamenta a atividade de pesca por meio da definição de áreas de exclusão (Molhe da Barra de Torres, Torre do Centro, Rio Mampituba e sua Barra, Morro do Forno e no Jacaré), petrechos (carrettilha, espinhel, rede de espera, redes fixas e tarrafa) e limita a extração de marisco, no Município de Torres/RS. Diário Oficial [da] União, Brasília, jul. de 1984.

ZAMBONI, A., DIAS, M. & IWANICKI, L. 2020. Auditoria da pesca: Brasil 2020: uma avaliação integrada da governança, da situação dos estoques e das pescarias. Brasília, Oceana Brasil, 64p. DOI: <10.5281/zenodo.4310303>.

Downloads

Publicado

05/07/2024

Edição

Seção

Nota Breve