Planejamento para a Conservação da Biodiversidade: uma Abordagem Prática e Interdisciplinar de Ensino

Autores

DOI:

https://doi.org/10.37002/biobrasil.v11i3.1797

Palavras-chave:

Área protegida, educação ambiental, espécie ameaçada, seleção de reservas

Resumo

 A identificação e proteção de áreas prioritárias para conservação é uma das principais ferramentas utilizadas atualmente para a conservação e uso sustentável dos recursos naturais. A estratégia, amplamente ancorada na Biologia da Conservação, envolve princípios de diferentes áreas do conhecimento, mostrando-se bastante interessante como tema interdisciplinar de ensino. No presente artigo, é apresentada uma proposta de exercício prático de ensino que envolve a análise e priorização de áreas para a conservação da biodiversidade regional. A proposta, além de explorar conceitos fundamentais relacionados à conservação e manejo da fauna e flora brasileira, permite desenvolver importantes habilidades necessárias para a tomada de decisão envolvendo temas socioambientais, os quais muitas vezes podem ser controversos. A atividade foi desenvolvida originalmente como parte de uma disciplina do curso de Mestrado Profissional em Ambiente e Sustentabilidade da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, entre 2016 e 2020, mas a possibilidade de simplificação e adaptação local permite que seja também utilizada como tema gerador de processos educativos ambientais nos níveis fundamental e médio de ensino. Considerando que a extinção de espécies da fauna e da flora regional pode ter um significado concreto para alunos de diferentes regiões do país e que este tema envolve um conteúdo problematizador, a adaptação desse exercício para diferentes realidades locais pode permitir reflexões mais amplas sobre o uso sustentável dos recursos naturais e a conservação da biodiversidade brasileira. Desta forma, o presente artigo busca estimular a difusão e o debate desse tema em diferentes níveis de ensino, visando o desenvolvimento do senso crítico e formação de cidadãos socioambientalmente responsáveis e que compreendam a importância e os desafios da implementação de áreas protegidas. 

Downloads

Publicado

16/09/2021

Edição

Seção

Fluxo contínuo